Tags

, , , ,

Respirar ar puro é um direito de todo cidadão garantido por lei, segundo resolução do CONAMA, Conselho Nacional de Meio Ambiente. Mesmo assim, ainda respiramos um ar com baixa qualidade, cheio de impurezas e poluentes. A verdade é que o Brasil e o mundo sofrem com a poluição desde o século XIX, com o início da primeira Revolução Industrial.

Esse quadro tende a se agravar cada vez mais, já que a cada dia aumenta o número de fábricas e também a frota de veículos, sem falar no alto índice de queimadas, principais causadores de poluição do ar. Por isso, cada pessoa deve contribuir para um meio ambiente mais saudável.

Divulgação

Vasos de chapa também são ótimas pedidas para espaços mais modernos

Ações simples podem melhorar a qualidade de vida das pessoas e garantir um ar mais puro. Uma delas é a adesão às plantas em casa, mesmo que a casa em questão seja um apartamento. Sempre há um jeitinho para inserir um pouco de verde no ambiente. Se o espaço é pequeno demais, que tal um vaso de planta? esta é uma boa alternativa, mas que necessita de alguns cuidados.

Segundo a paisagista Erly Hooper, na hora de escolher o vaso da planta, não apenas a proporção deve ser levada em consideração: “O estilo da decoração deve ser analisado. Para um décor rústico, vasos de cerâmica são indicados. Para os mais luxuosos, use o vietnamita. Mas se o estilo for moderno, escolha vaso de chapa. Como os vasos vietnamitas são muito caros, pode-se optar pelos de cimento que unem beleza e funcionalidade a um valor muito acessível”, ensina.

Divulgação

Projeto de Erly Hooper: vaso vietnamita se destaca no ambiente e está em perfeita harmonia com o restante da decoração

A profissional explica que o layout do apartamento influencia na escolha do local ideal para se colocar o vaso de planta. “A harmonia com o restante da decoração do ambiente vai definir a melhor localização do vaso”. Mesmo assim, Erly orienta que, sempre que houver a possibilidade, ele seja colocado perto da janela, pois toda planta necessita de luminosidade.

A paisagista ainda alerta: “Vasos rebuscados não valorizam a planta. Eles precisam ser o mais simples possível, para que a planta possa se sobressair”. Erly finaliza quebrando um mito: “Nenhum vaso pode causar a morte de uma planta”.

Anúncios