Tags

, , , , ,

Em sua 52ª edição, o Salão Internacional do Móvel de Milão está cada vez mais focado no futuro. Em toda sua história, a mostra líder do segmento de decoração e design sempre antecipou tendências. Mas neste ano quer reforçar ainda mais o papel. Com o tema “Em Milão: o Mundo Que Habitaremos”, entre os dias 9 e 14 de abril, o evento coloca a cidade italiana como a melhor vitrine mundial do design e da criatividade.

Divulgação

A marca italiana Porro apresentou em seu showroom na via Durini peças icônicas da sua história, muitas delas assinadas pelo diretor artístico Piero Lissoni

A feira tem a fama e um currículo de respeito: tudo que vanguarda, tradição e tem qualidade ou luxo, provavelmente está nos disputados 143 mil metros quadrados da exposição em si (Complexo em Rho) ou espalhados pelos eventos paralelos, muitos pelas ruas da cidade como a Via Tortona, Poltrona Frau, Moooi, Cassina, Zaha Hadid, Jean Nouvel, entre outros.

“I Saloni”

Chamado pelos italianos de “I Saloni”, o evento teve sua 1ª edição em 1961 com o objetivo de promover o setor de móveis e acessórios de decoração italianos no mercado de exportação. Mas, ainda hoje, continua garantindo que a qualidade dos móveis italianos seja reconhecido pelo mundo inteiro.

Divulgação

Vincenzo Antonuccio e Marilena Calbini (VM design) criaram para a VG Lighting a luminária Arabesque que é estruturada em aço e vidro esculpido à mão e possui 2.6 m de altura

Em 2013, o presidente do Cosmit (órgão que organiza o Salão), Claudio Luti, afirma que o desafio e a maior intenção são manter a qualidade da mostra. Sobre os destaques da edição, Luti aponta para o projeto “Escritório para a Vida” encomendado ao arquiteto francês Jean Nouvel e que documenta, em cinco composições cênicas, as mudanças do espaço de trabalho no cotidiano.

No salão há 1,4 mil expositores vindos de 160 países e, de acordo com os organizadores, o mote é sempre a busca pela inovação e a consequente determinação das tendências decorativas. 

Em 2012 foram 965 expositores italianos e 290 de outros países, os vistantes ultrapassaram a marca dos 290 mil, sendo mais de 180 mil estrangeiros. (Fonte: Uol)

Anúncios